7 DICAS PARA TRABALHAR COM FREELANCERS NA SUA STARTUP

11/03/2016

Trabalhar com freelancers pode ser extremamente valioso para qualquer negócio e com startups não podia ser diferente. Freelancers oferecem habilidades e expertise que você e as a pessoas de sua empresa geralmente não possuem. Além disso, eles podem lhe economizar muito tempo e energia em determinadas tarefas. É por isso que você deveria definitivamente contratar freelancers. Mas como trabalhar de forma eficiente com esses profissionais?

Primeiramente, trabalhos remotos como freelancers estão se tornando cada dia mais populares ao redor do mundo. Apenas nos EUA, estudos apontam que mais de um terço dos profissionais realizam algum tipo de trabalho freelance.

No Brasil, esse tipo de trabalho está também cada dia mais recorrente. Isso significa que o seu primeiro desafio será selecionar a pessoa certa dentre os inúmeros profissionais disponíveis no mercado. Mas não se preocupe, aqui vão 7 dicas para te ajudar a contratar e gerenciar freelancers:

1. Contrate experts que se adequem ao projeto

Para começar, foque em freelancers que possuam a expertise exata necessária para a tarefa. Não se perca olhando freelancers com qualidades muito gerais. Você quer pessoas que se estabeleceram em um certo nicho e possuem experiência para provar isso. Projetos passados é fator determinante na hora de decidir qual freelancer contratar.

2. Defina claramente o escopo e o período do trabalho

Não há nada pior do que projetos muito vagos. Antes mesmo de contratar um freelancer, você precisa saber exatamente o que você quer que eles façam e ter uma ideia de como isso deve ser feito. Estabeleça prazos. Eles vão ajudar o freelancer a decidir prioriades na hora de trabalhar. Comunique qualquer mudança antecipadamente! Mudanças inesperadas podem causar conflitos e resultar em um trabalho feito às pressas e de baixa qualidade. E nenhum dos dois lados deseja isso.

3. Crie etapas

Uma ótima forma de garantir que todo mundo esteja na mesma página é criando etapas. Quebre o projeto em pedaços gerenciáveis. Você pode também quebrar o pagamento do freelancer em etapas. A vantagem vem para os dois lados: primeiro, o freelancer vai permanecer satisfeito e motivado e segundo, se algo inesperado acontecer, fica mais fácil vocês terminarem relações.

4. Defina uma hierarquia

Não deixe que outras pessoas que trabalhem com você empurrem tarefas para o freelancer. Estabeleça com o seu time que apenas uma pessoa fique responsável pelos contatos. Dessa forma, a comunicação será muito mais ágil e eficiente.

5. Dê feedbacks com frequência

Os feedbacks podem ser dados junto com as etapas, mas não precisa ser sempre assim. Todo freelancer sabe o sentimento ao entregar o seu primeiro trabalho em um novo projeto e não há nada pior do que ficar sem um retorno. Por isso, comunique a sua avaliação do trabalho e diga o que pode ser melhorado. É assim que você conseguirá os resultados que espera!

 

Posts relacionados

 

Sobre o autor

 

DANIEL

Jornalista e empresário